Portal Destaque Ir para conteúdo principal
Ir para conteúdo principal Logotipo Guaporé
conteúdo do menu
Conteúdo Principal conteúdo principal
03/07/2020 Sec. de Assistência Social e Habitação
COMPARTILHAR NOTÍCIA

Sanitização é realizada na Casa de Acolhimento, secretaria de Assistência Social e educandários de Guaporé

Procedimento de controle microbiológico utiliza tecnologia e produtos de qualidade garantida para eliminar e impedir a proliferação de vírus, bactérias, fungos e ácaros

O enfrentamento à disseminação do novo coronavírus (Covid-19) mudou o comportamento de todos. A maior limpeza e higienização dos ambientes, o constante uso de álcool gel nas mãos, o uso de máscaras em locais públicos e privados são algumas das novidades diárias que não podem passar em branco. Há também, por parte dos Poderes Públicos e empresas, atividades de sanitização dos espaços de maior movimentação de pessoas. O procedimento de controle microbiológico utiliza tecnologia e produtos de qualidade garantida para eliminar e impedir a proliferação de vírus, bactérias, fungos e ácaros.

Ao longo dos meses de abril, maio e junho, a Administração Municipal de Guaporé, dentro das ações e medidas para evitar a disseminação da Covid-19, realizou a sanitização nas proximidades do Centro Municipal de Saúde, Hospital Manoel Francisco Guerreiro, Estratégias de Saúde da Família (ESFs), paradas de ônibus, praças e outros espaços públicos. Neste mês, a passagem do quaternário de amônia para desinfecção de superfícies aconteceu nas dependências do Centro Municipal Termignoni (Secretaria de Assistência Social e Habitação), Casa de Acolhimento e nos 10 educandários da Rede Pública Municipal.
“Num momento em que todos estão envolvidos no combate à Covid-19, consequentemente na saúde das pessoas, nós da secretaria de Assistência Social e Habitação, providenciamos uma sanitização completa dos ambientes sob nossa responsabilidade. Essa vem a somar com as outras medidas que estão sendo adotadas como a obrigatoriedade do uso de máscara, álcool em gel nas repartições, distanciamento social nos atendimentos e restrição das visitas na Casa de Acolhimento”, disse o secretário de Assistência Social, Hamilton Polita.
A medida visa afastar de todos os riscos os servidores e pessoas que frequentam os locais.
“É para proteger as pessoas e tentar minimizar os efeitos da pandemia. Estamos, ao lado do prefeito Fabris e do vice Bastian, dando a contribuição para que as pessoas sintam-se seguras física e mentalmente”, afirmou Polita.
A ação de sanitização contou com orientação da secretaria municipal de Saúde.

Outras Notícias