Guapore - Inicial  
Tempo
Pesquisar:   Acessibilidade A1 A2 A3
Serviços:               Portal da Transparência:
Declaração
Eletrônica ISS
 
Nota Fiscal Eletrônica
de Serviços
 
Portal
Municipal
 
Edital de Concurso Público
 
Prefeitura Transparente
 
Serviço de Informações
ao Cidadão
 
Portal da
Transparência
Home
NOTÍCIAS
06/04/2018
Mais Saúde: dificuldade para emagrecer pode ser sintoma de outros problemas
Postado por: Secretaria da Saúde
Mais Saúde: dificuldade para emagrecer pode ser sintoma de outros problemas

Muitas pessoas fazem tudo certinho e mesmo assim não conseguem emagrecer ou perder peso. O que pode estar acontecendo? Vários fatores podem estar relacionados a esta dificuldade, como processos inflamatórios crônicos, microbiota intestinal comprometida, hormônios desregulados, uso de medicamentos contínuos, organismo tóxico, estresse, sono inadequado, doenças como o hipotireoidismo e entre outros.
As dietas radicais e as dietas da moda funcionam? Não. Esses tipos de dietas normalmente são constituídas de poucos nutrientes, o que pode gerar ansiedade, irritabilidade, cansaço e compulsões alimentares. Essas dietas da moda e restritas não priorizam a qualidade e quantidade de nutrientes que o nosso corpo precisa para fazer sua função no organismo comprometendo o equilíbrio como um todo.
E as dietas de grupos funcionam? Seu organismo é único, sendo assim o que é bom para um organismo pode não ser para outro. A alimentação diária deve respeitar as características e necessidades individuais, por isso vão priorizar nossa individualidade bioquímica.
Lembre-se: se a dieta é temporária, o emagrecimento também será. Tem pessoas que mudam várias vezes de profissionais da saúde buscando milagres para ficar magras, mas na verdade devemos começar a nos conscientizar a mudar os hábitos e estilo de vida para melhorar nossa qualidade de vida e longevidade.
Emagreço comendo menos quantidade de comida? Não é somente diminuir a quantidade de comida, mas priorizar a qualidade dos alimentos e comer comida de verdade que contém nutrientes.
Os remédios para emagrecer funcionam? Não existe milagre para emagrecer. O remédio será retirado posteriormente, e a pessoa volta e engordar tudo de novo.
É fundamental que, além de uma quantidade e qualidade ideal do alimento, é importante que esse alimento seja quebrado corretamente no organismo. Se uma dessas etapas do metabolismo não funcionar direito, mesmo com uma alimentação adequada, a pessoa pode ter dificuldade de perder peso? Sim. A simples ingestão do alimento não garante que os nutrientes possam estar disponíveis para serem utilizados pelas células. Para que isso realmente ocorra é fundamental que, além de uma quantidade e qualidade ideal do alimento, também existam condições químicas e fisiológicas ideais para o alimento ser quebrado, os nutrientes serem absorvidos, transportados, e utilizados pelas células do organismo. Se uma dessas etapas do metabolismo não funcionar direito, este processo estará prejudicado, dificultando a perda de peso.
O sono pode dificultar a perda de peso? Sim, sem dormir adequadamente não haverá saúde, pois durante o sono liberamos vários hormônios importantes para o nosso organismo.
Devemos ou não contar calorias? Na verdade, devemos desligar um pouco das calorias e deixar de lado essa “escravidão”. Muitos alimentos considerados de baixa caloria como as gelatinas, por exemplo, são pobres em nutrientes e apresentam um potencial inflamatório muito alto, o que promove desequilíbrio no organismo travando o metabolismo e dificultando a perda de peso. Em contrapartida, há alimentos considerados proibidos por conter muitas calorias, como é o caso do abacate, que é riquíssimo em nutrientes com potencial anti-inflamatório e antioxidante, e dessa forma ajuda e muito no combate a obesidade. Vamos equilibrar o organismo e para isso não é necessário contar calorias e sim consumir alimentos que de fato, proporcionem compostos bioativos e nutrientes em quantidades suficientes para que o organismo possa se manter saudável.
Vamos comer comida de verdade para nutrir todas as células do organismo de forma equilibrada, onde não há proibições, não há alimentos vilões e mocinhos, bons e maus. Uma alimentação saudável não consiste em deixar de comer tudo o que se gosta e passar a comer somente alimentos light e diet. Muito pelo contrário, é aprender que você pode comer de tudo, mas sem exageros e de forma equilibrada. Na reeducação alimentar recebe-se um plano alimentar, o que é bem diferente de receber uma dieta. A dieta gera proibição, não leva em conta preferências, rotina, estilo de vida, aspectos culturais, por essa razão que é tão difícil mantê-la. Por ser tão restritiva gera resultado rápido, mas em seguida, a dieta é abandonada e o indivíduo volta a se alimentar como antes. O fato é que, por não ter aprendido novos hábitos alimentares, nada mais previsível do que recuperar o peso e gerar o efeito sanfona.
Pense bem antes de buscar soluções rápidas que vão prejudicar sua saúde. “Use o alimento a seu favor para melhorar sua saúde”. Se as pessoas soubessem como o alimento é importante para o nosso organismo, pensaríamos diferente sobre o conceito que alimento é aquele que emagrece e engorda e buscaríamos um estilo de vida e qualidade de saúde como um todo.