Guapore - Inicial  
Tempo
Pesquisar:   Acessibilidade A1 A2 A3
Serviços:               Portal da Transparência:
Declaração
Eletrônica ISS
 
Nota Fiscal Eletrônica
de Serviços
 
Portal
Municipal
 
Edital de Concurso Público
 
Prefeitura Transparente
 
Serviço de Informações
ao Cidadão
 
Portal da
Transparência
Home
NOTÍCIAS
03/01/2018
Novas lixeiras estimulam a separação do lixo em locais públicos
Postado por: Secretaria do Meio Ambiente
Novas lixeiras estimulam a separação do lixo em locais públicos

A secretaria municipal de meio ambiente tem como uma de suas principais metas a educação ambiental. É através dela que a prevenção e a conscientização garantirão uma cidade mais limpa, mais saudável e preservada para as futuras gerações.
Pequenos gestos, no dia a dia, resultarão em grandes benefícios à natureza a curto, médio e longo prazo.
Dando continuidade às ações, a praça Vespasiano Corrêa e a praça Getúlio Vargas receberam novas lixeiras. “Foram instaladas 50 novas lixeiras, com cores diferentes para a separação do lixo seco e orgânico. Além da substituição de todas as antigas lixeiras da praça central, também estão sendo instaladas as da praça Getúlio Vargas, onde antes não havia. Nas lixeiras de cor verde, deposita-se o lixo seco. Nas de cor marrom, o lixo orgânico”, explica a secretária Monia Zampeze.
Separar o lixo precisa se tornar um hábito comum. Automático e natural. Nas casas, no comércio, nas indústrias e nos locais públicos, lembre-se sempre de que Guaporé possui coleta de material seco e orgânico. Deposite o lixo separadamente e bem acondicionado. A natureza agradece.

Você sabia?
O resíduo orgânico é composto de restos de alimentos, cascas de frutas, borra de café, erva mate, fraldas descartáveis e papel higiênico. Este tipo de resíduo vai diretamente para o aterro sanitário. Os caminhões que transportam esse tipo de material seguem direto para o aterro, sem passar pela central de triagem.
O resíduo seletivo é o papel, papelão, plástico, isopor, metais, alumínio, vidros e latas. Os caminhões que transportam esse resíduo descarregam em uma central de triagem que existe juntamente ao aterro sanitário. Lá existe uma esteira, onde todo o material é separado. Cada tipo de resíduo é encaminhado para a indústria que realiza a reciclagem e o coloca novamente no mercado, evitando assim o desperdício e o acúmulo de lixo na natureza.
Na contramão...
Enquanto a maioria da população faz sua parte e trabalha para que a natureza e todos os seus recursos sejam preservados, alguns cidadãos insistem em depositar lixo de forma irregular. Depois da enxurrada de 8 de junho, a secretaria de Obras realizou a revitalização e desvio da estrada próxima ao Arroio Barracão, na linha 3 de Maio, Brítola. O local foi reestruturado, foram feitos muros de contenção, limpeza do arroio com toneladas de entulhos retiradas. Nas margens, houve plantio de mudas, para restaurar a natureza. Mas o homem não dá trégua. Novamente e semanalmente são flagrados depósitos irregulares de todo tipo de lixo. Na margem do rio, em terrenos baldios, dentro do arroio. A secretaria de Meio Ambiente pede a conscientização da comunidade. Somente assim o trabalho de muitos não será destruído por poucos sem respeito ao coletivo e à natureza.