Guapore - Inicial  
Tempo
Pesquisar:   Acessibilidade A1 A2 A3
Serviços:               Portal da Transparência:
Declaração
Eletrônica ISS
 
Nota Fiscal Eletrônica
de Serviços
 
Portal
Municipal
 
Edital de Concurso Público
 
Prefeitura Transparente
 
Serviço de Informações
ao Cidadão
 
Portal da
Transparência
Home
NOTÍCIAS
26/05/2017
Servidores Públicos participam de capacitação em arborização urbana
Postado por: Secretaria do Meio Ambiente
Servidores Públicos participam de capacitação em arborização urbana

A secretaria municipal de Meio Ambiente realizou, no dia 25 de maio, uma Capacitação Técnica em Arborização Urbana, de acordo com a norma técnica da ABNT NBR Nº 16.246-1, para os servidores públicos municipais envolvidos com o trabalho poderem qualificar ainda mais a ação, com profissionalização.
A maior preocupação, segundo a secretária Monia Zampeze, é evitar que as árvores sejam prejudicadas por podas irregulares, além de conscientizar também a população sobre o período correto de podas. Em um trabalho conjunto, público/privado, ganha a cidade toda, com parques, ruas, canteiros e quintas mais verdes, com árvores mais bonitas e saudáveis.
O período de podas já começou, e segue até início de agosto, devendo ser realizada nos locais públicos do centro, depois passando por todos os bairros. Para que a ação seja efetiva e homogênea, o curso realizado dia 25 foi de grande valia e aprendizado. Foi ministrado pelo biólogo João Augusto Bagatini, através da JB Estudos Ambientais, uma empresa dedicada a disseminar a arborização urbana moderna e eficiente, através de palestras, treinamentos e cursos.
As atividades foram teóricas pela manhã e práticas à tarde, acontecendo na praça Vespasiano Corrêa e arredores do centro, por todos os participantes.
Além da qualificação dos servidores municipais, a secretaria de Meio Ambiente preocupa-se em compartilhar informação e conhecimento, para que, em casa, as pessoas também realizem as podas corretamente. Material informativo está sendo finalizado, para posterior distribuição.
Neste período, os munícipes que realizarem as podas em suas propriedades, contarão com o recolhimento do Poder Público, através da secretaria de Obras, por ordem do cronograma, inicialmente no centro e posteriormente nos bairros.
Após o período, o recolhimento ficará por conta do munícipe. “Queremos educar a população para o respeito ao meio ambiente. É bom lembrar que planta nenhuma precisa de poda. Uma árvore nasce para crescer livre. Mas estando na área urbana, pode ter galhos atrapalhando a fiação elétrica, com perigo de queda em residências, ruas, entre outros motivos que levam à poda. Quando for necessário, façamos do modo correto. Quanto à limpeza urbana, estamos podando e recolhendo. Caso alguém precise podar uma árvore, somente neste período, e conforme o cronograma de atuação, estaremos recolhendo os galhos, entrem em contato para saber quando a equipe estará na sua área de residência”, orienta Monia.
O objetivo é educar e conscientizar a todos sobre o período e a forma correta de poda.
Algumas recomendações:
Nenhuma árvore precisa ser podada. Elas nasceram para crescer livres.
As podas acontecem quando a árvore, no perímetro urbano, estiver prejudicando fiação elétrica, passagem no passeio público, perigo de queda de galhos, etc.
Podar mais que 25% da copa de uma árvore em um período de um ano configura crime. As podas drásticas são crimes ambientais e danificam permanentemente a árvore, podendo sujeitar a árvore à morte ou adoecimento.
A época mais adequada para a poda é antes da brotação (portanto antes da primavera).
Em caso de dúvidas, busque informações. A secretaria de Meio Ambiente possui pessoas qualificadas para auxiliar você.
Telefone: (54) 3443 5987, ou na Casa da Cultura.